O tratamento de efluentes na indústria química e petroquímica se concentra em reduzir a carga orgânica de poluentes gerados no processamento de refino ou beneficiamento da matéria-prima. Neste artigo, você vai entender melhor os tipos de resíduos gerados por esse segmento e as modalidades de tratamento mais aplicadas. Confira! 

Tipos de resíduos gerados na indústria química e petroquímica

Os processos industriais dos setores químico e petroquímico tendem a utilizar grandes volumes de água e os resíduos resultantes dessas atividades se dividem em três categorias:

Efluentes líquidos

Como fonte básica de emissões, os efluentes líquidos da indústria petroquímica podem ser categorizados como:

  • água residuária contendo resquícios de matéria prima, produtos ou subprodutos;
  • efluentes resultantes de lavagem de reatores, pontos de transbordamento, derrames e fugas por gotejamento;
  • efluentes resultantes de processos de resfriamento ou condensação de vapor;
  • efluentes resultantes de águas pluviais.

Resíduos sólidos

Os resíduos sólidos gerados pelas plantas petroquímicas podem conter metais pesados e compostos orgânicos tóxicos. Além disso, há uma quantidade significativa de rejeitos cáusticos que precisam ser tratados com métodos baseados em combustão, arraste com vapor e oxidação.

Emissões gasosas

As emissões gasosas merecem atenção especial porque podem formar óxidos altamente tóxicos ou cancerígenos a partir de elementos como etileno e propileno.

Elas ocorrem pela fuga de gases em bombas, válvulas e tanques de armazenamento, além das próprias operações de carga e descarga e dos processos de tratamento das categorias citadas anteriormente.

Modalidades de tratamento de efluentes na indústria química e petroquímica

O tratamento de efluentes na indústria química e petroquímica demanda a combinação de processos distintos para remover os contaminantes e fazer o descarte correto dos materiais tratados no meio-ambiente. Os métodos mais utilizados são:

Tratamento físico-químico

O tratamento físico-químico remove os poluentes presentes nos resíduos inorgânicos por meio da adição de produtos químicos. Ele é apropriado para águas contaminadas pela presença de óleos ou metais pesados, soluções ácidas e soluções alcalinas.

Primeiramente, o efluente bruto passa por uma análise laboratorial para determinar o reator ideal. Após a quebra de emulsões e a coagulação das impurezas, o material passa por processos como flotação, decantação e filtração até que estejam livres de contaminantes. 

Por fim, o lodo resultante desses processos é encaminhado para co-processamento e deságue.

Tratamento biológico aeróbio

O tratamento biológico aeróbio é uma solução para tratar efluentes biodegradáveis. Frequentemente utilizado em conjunto com o tratamento físico-químico, ele é realizado por meio da exposição do material a microorganismos que o utilizam como alimento e fonte de energia.

Esse processo precisa ser realizado em temperaturas específicas e os níveis de pH e oxigênio dissolvido (OD) devem ser controlados.

Como otimizar a gestão do tratamento de efluentes na sua empresa?

Os riscos ao meio ambiente resultaram na criação de uma ampla legislação sobre tratamento de efluentes. Contudo, dada a dificuldade de alinhar as operações a todos os parâmetros técnicos e burocráticos, muitas empresas optam por terceirizar as atividades de coleta, tratamento e destinação de efluentes.

Se a sua empresa também está considerando essa possibilidade, é importante buscar parceiros que: 

  • contem com o reconhecimento das autoridades ambientais e com as licenças de operação;
  • adotem boas práticas de prevenção contra impactos ambientais;
  • ofereçam garantia de adequação às leis, regulamentos e normas técnicas vigentes.

A Okena oferece soluções personalizadas para tratamento de efluentes na indústria química e petroquímica. Nosso time de especialistas presta suporte completo em todas as etapas e agiliza a emissão de documentos como MTR e CADRI.

Nossa planta, localizada de forma estratégica em Itapevi-SP, permite o atendimento a parceiros em todo o estado e conta com o certificado de Empresa B, que atesta a aplicação das melhores práticas de proteção ambiental.

Quer saber mais? Conheça as soluções da Okena e otimize a gestão de resíduos da sua empresa de acordo com os mais rigorosos padrões de qualidade e segurança.